terça-feira, 4 de dezembro de 2007

BS 25999-2 Especificação da Gestão da Continuidade de Negócios

Ainda em novembro de 2007 foi publicada a parte 2 da Norma BS 25999, Especificação da Gestão da Continuidade de Negócios, pelo BSI - British Standards (vide http://www.bsi-global.com).
Ainda não tive oportunidade de avaliar esta nova publicação. Assim sendo reproduzo abaixo o texto de divulgação da mesma. Em breve estarei publicando minha avaliação, mas posso adiantar que a parte 1 desta norma é um documento de referência interessante. O mesmo não posso dizer das partes “2” que tem sido publicadas acompanhando as normas de Gestão. Estas segundas partes são dedicadas ao processo de implantação e servem de referência para os processos de certificação, e por isto pecam por ser documentos cartoriais onde a construção de “evidências” da existência dos controles supera o ideal de uma correta aplicação dos mesmos.

"A norma BS 25999-2, recentemente publicada especifica os requerimentos para definição, implementação, monitoração, revisão, simulação, manutenção e aperfeiçoamento do processo de Gestão da Continuidade de Negócios de uma organização dentro do contexto da Gestão dos Riscos corporativos.
Os requerimentos especificados são genéricos e visam ser aplicáveis a todos os tipos de organização, ou partes destas, independentemente do tamanho, tipo e natureza da sua atividade. A abrangência da aplicação destes requerimentos irá depender do ambiente operacional e da complexidade da organização.
Assim o detalhamento e a implementação do processo de Gestão da Continuidade de forma a atender estes requerimentos deverá estar diretamente relacionado com as exigências regulatórias, o mercado, os clientes, o tipo de produto e serviços, o tipo de processos e o tamanho e tipo de estrutura organizacional adotada. O estabelecimento de uma estrutura padrão e uniforme não é o objetivo da norma, e sim auxiliar o projeto de um processo de Gestão de Continuidade de Negócios que atenda a todas as organizações e seus interessados.
A BS 25999-2 pode ser utilizada pelas próprias empresas, por terceiros, incluindo empresas certificadoras, para avaliar a capacidade de uma organização responder às suas necessidades e requisitos de continuidade de negócios, bem como exigências legais e regulatórias."

Um comentário:

Marinheiros's disse...

bom artigo! estou estuando sobre a BS25999:2 para um trabalho de pós graduação, você teria algum material ou links para me passar ? preferencialmente em português.

Muito obrigado

Guilherme Marinheiro

gchaves@cpqd.com.br